Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Fábio Vilas Boas diz que atitude da Anvisa em relação à importação da Sputnik é criminosa


 “O presidente da Anvisa está compactuando com uma atitude criminosa”. Assim descreveu o secretário de Saúde da Bahia, Fábio Vilas Boas, o comportamento da Agência Nacional de Vigilância Sanitária em relação à importação das vacinas Sputnik V para o Brasil.

No último dia 26 de abril, o ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que a Anvisa se manifestasse sobre o pedido do Estado da Bahia para a importação do imunizante. A agência não autoriza a medida, sob o argumento de que foram identificadas falhas no desenvolvimento do produto, em todas as etapas dos estudos clínicos.

Diante disso, com base na aprovação de resolução que autoriza estados e municípios a importarem imunizantes e medicamentos sem registro sanitário no Brasil, Fábio Vilas Boas afirmou que a posição da Anvisa em negar a importação da Sputnik V nada mais é do que um descumprimento da lei.

“O que a Anvisa está fazendo é não subordinar-se à lei. Quem não cumpre a lei é criminoso. O presidente da Agência está pactuando com uma atitude criminosa de não cumprir a lei”, afirmou. Apesar da situação com a Anvisa, o secretário comemorou o aporte significativo de vacinas no Brasil na última semana, que, segundo ele, é “fruto da articulação do ministro Queiroga com a OMS”.  /BNews  Por: Yasmin Garrido

Nenhum comentário