Notícias

Vacinação Salvador: Agendamento à domicílio para idosos é ampliado para 100 vagas ao dia


 Após ocorrer problemas nas inscrições para agendar a vacinação em idosos nas residências, a Secretaria de Saúde municipal vai ampliar, a partir da próxima segunda-feira (8), o número de vagas. Atualmente são apenas 70, e será aumentado para 100 no site do agendamento. Entre essas vagas, 30 são para idosos que estão acamados.

“Nós estamos ampliando a lista para que todas as pessoas sejam contempladas no menor prazo possível. Então a gente pede um pouco de paciência, porque o serviço está sendo aprimorado a cada dia”, explicou a técnica de saúde Andrea Salvador durante coletiva nesta quinta-feira (04).

Devido a procura, a Secretaria de Saúde está fazendo a vacinação de acordo com a ordem de cadastramento. Segundo a técnica Doiane Lemos a expectativa é que mais de 200 idosos sejam vacinados nesta quinta, em Salvador. “No primeiro dia fizemos 66. Ontem, que foi o segundo dia, avançamos para 150. Hoje mais de 200 serão beneficiados. Então, a gente está ampliando os roteiros para atender a demanda. Porque, em menos de 24 horas, no site, mais de mil agendamentos foram feitos”, falou. Para atender todos eles, cerca de 15 equipes estão nas ruas da capital baiana.

Profissionais de saúde

Apenas idosos e profissionais de saúde que trabalham na linha de frente da Covid-19 estão sendo vacinados. As técnicas enfatizam que estudantes de medicina, professores da área da saúde, mesmo sendo enfermeiros e veterinários, não irão ser vacinados, já que o critério principal é o grau de risco de exposição. “A pessoa tem que apresentar uma declaração e o vínculo com o estabelecimento de saúde. Há necessidade do estabelecimento ou profissional cadastrado no FINES, e apresentação do contracheque como forma de controle. Médicos, enfermeiros, auxiliares de serviços gerais, maqueiros, mas precisam apresentar o vínculo comprobatório”. 

Caso alguma pessoa esteja com problema na documentação, pode se dirigir para a Faculdade Baiana de Medicina, onde a Secretaria de Saúde está com uma equipe para tirar essas dúvidas e fazer com que esse trabalho seja agilizado e as pessoas que não tenham essa documentação sejam contempladas na medida do possível.   /Por: Vagner Souza/ BNews 

Nenhum comentário