Notícias

Documentos revelam que Guedes tentou usar reforma administrativa para privatizar estatais


 O ministro da Economia, Paulo Guedes, tentou incluir na proposta de reforma administrativa dispositivo para facilitar a privatização de empresas estatais de todos estados, segundo revelou documentos da pasta ao qual o Globo teve acesso. A ideia da privatização estava na versão da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que Guedes enviou ao Planalto em fevereiro deste ano.

O trecho que autorizava as privatizações foi retirado antes do envio da proposta ao Congresso, no mês passado. De acordo com o Globo, o texto original de Guedes ainda tentava suspender o salário de servidores de carreira que concorressem a um cargo político durante as eleições, além da exoneração dos ocupantes de cargos de confiança que registrassem suas candidaturas.

Uma da proposta da reforma administrativa, assinada por Guedes, mudava o artigo 173 da Constituição que prevê que “a exploração direta de atividade econômica pelo Estado só será permitida quando necessária aos imperativos da segurança nacional ou a relevante interesse coletivo”. O texto do ministério retirava o “relevante interesse coletivo” do artigo. /Por: Alan Santos/PR 

 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();