Notícias

"Não, não é uma gripezinha", diz Bebeto Galvão após ser infectado pelo Covid-19



O senador suplente e diretor do Sintepav-BA, Bebeto Galvão (PSB), distribuiu uma carta aberta após se curar do Covid-19. O baiano recebeu alta na última terça-feira (6). "Não, não é uma gripezinha, mas um vírus que pode ser letal", ressaltou, em referência ao presidente Jair Bolsonaro.
Galvão narra que foi infectado no último dia 23 de abril e que a doença logo evoluiu, comprometendo pulmões e rins, sendo internado logo em seguida.
"Foram dias difíceis. Com febre de 39%, baixa taxa de oxigenação no sangue; cansaço e respiração ruins, achei que não superaria. E o pior: o sofrimento psíquico por saber da inexistência de vacinas ou medicamentos eficazes fruto de testagem e evidências científicas", revelou.
No texto, o ex-deputado agradece aos médicos, amigos e familiares e faz recomendações de isolamento e uso da máscara de proteção. "Vencemos uma etapa e continuarei em quarentena", brada.
Leia a íntegra da carta:
"Carta de Agradecimento 
Companheiros (as),
Acometido pela covid -19, em 23 de abril último, a doença logo evoluiu e comprometeu meus pulmões e rins, o que me levou à internação.
Foram dias difíceis. Com febre de 39%, baixa taxa de oxigenação no sangue; cansaço e respiração ruins, achei que não superaria. E o pior: o sofrimento psíquico por saber da inexistência de vacinas ou medicamentos eficazes fruto de testagem e evidências científicas.
Tive a alegria da assistência por parte do excelente infectologista do Hospital Aliança, Dr. Adriano, e outros infectologistas.
A adoção de protocolos e tratamento de suporte permitiram a travessia.

Não, não é uma gripezinha, mas um vírus que pode ser letal.
Ficou claro que a ciência, com suas recomendações, como distanciamento social; isolamento; uso do sabão e álcool em gel como cuidados e o uso da máscara, ajudam a quebrar a propagação da curva viral, permitindo às autoridades sanitárias preparar a rede de saúde, evitar o caos e salvar vidas. Pena que o presidente da República não se preocupe com a vida dos brasileiros e prefere contabilizar cadáveres. Quanta desumanidade!
Faço esse relato em agradecimento aos médicos, enfermeiros e técnicos. 
Também como manifestação de agradecimento aos dirigentes sindicais de todas as centrais brasileiras e aos dirigentes globais da ICM que manifestaram solidariedade, apoio e apreço. Aos amigos, familiares, lideres evangélicos e católicos por suas orações; deputados federais e estaduais dos diversos partidos, prefeitos e vereadores, enfim os trabalhadores da construção e dos meus companheiros e amigos dirigentes.
Vencemos uma etapa e continuarei em quarentena.
Obrigado a todos!
Que nosso bom Deus abençoe a todas as famílias e que a alegria que sinto hoje ao sair do hospital alcance todos os lares das famílias, cujos entes encontram-se contaminados pelos vírus, permitindo que essa mesma alegria alcance esses lares, gerando plena alegria e felicidade.
Deus nos abençoe!!!
Bebeto Galvão
Senador Suplente 
Diretor Financeiro do Sintepav BA
Membro da ICM"

 Por: BNews

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();