Notícias

Medidas restritivas na Joana Angélica, Plataforma e Boca do Rio passam a valer nesta segunda


O fechamento de estabelecimentos comerciais e interdição de ruas e avenidas, anunciadas na semana passada pela prefeitura, já passa a valer nesta segunda-feira (11), nos bairros da Boca do Rio, Plataforma e Nazaré (na Av. Joana Angélica). A iniciativa é uma estratégia de regionalização das ações a ser realizada considerando duas vertentes: apoio e proteção aos moradores e restrição de atividades. A medida será válida, inicialmente, por sete dias.
Todas as atividades comerciais formais e informais estarão proibidas, exceto supermercados, farmácias, bancos e agências lotéricas.A restrição viária já começou das 7h às 19h. Os veículos do transporte coletivo, por sua vez, terão acesso normal às localidades. Foram instaladas barreiras e a fiscalização será feita por agentes da Superintendência de Trânsito (Transalvador), Guarda Civil Municipal (GCM) e Polícia Militar da Bahia (PM-BA).
No início da manhã, em entrevista a uma TV local, o secretário de Mobilidade Urbana, Fábio Mota disse que foi feito  “um estudo levando em consideração os casos, a incidências, o aumento do transporte público e de veículos. Nós percebemos que deveria ter uma intervenção a favor da vida”. 
Em Plataforma não terá o bloqueio do trânsito. A desinfecção já começou nesta manhã no Largo do Luso, com agentes da Limpurb.  Já na Joana Angélica e Boca do Rio terá bloqueio, porém o transporte público não será afetado. /Por: Dinaldo Silva/Bnews 

Nenhum comentário