Notícias

Exames de Bolsonaro são divulgados e deram negativo; veja


Os exames apresentados pela defesa do presidente Jair Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF) mostram que o chefe do Poder Executivo não estava infectado pelo novo coronavírus na época dos testes. O gestor utilizou pseudônimos para fazer os testes no laboratório Sabin. Ainda falta a divulgação de um terceiro teste, feito pela Fiocruz. A ação para a divulgação dos exames foi movida pelo jornal O Estado de São Paulo.
Ele utilizou pseudônimos para fazer exames. Os escolhidos foram "Airton Guedes" e "Rafael Augusto Alves da Costa Ferraz". O presidente, no entanto, manteve sua identificação assegurada ao informar ao laboratório seus documentos pessoais de forma correta, como o RG e o CPF, além da data de nascimento.
Nesta quarta (13), o ministro Ricardo Lewandowski determinou que os exames fossem publicados.  / Por: Divulgação 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();