Notícias

Bolsonaro diz que novo diretor-geral convidou superintende do RJ para ser o número 2 da PF


O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (5) que o superintendente da Polícia Federal no estado do Rio de Janeiro, Carlos Henrique Oliveira, assumirá o posto de diretor-executivo do órgão. Segundo o presidente, ele foi convidado pelo novo diretor-geral, delegado Rolando Alexandre de Souza.
Bolsonaro deu a declaração na saída do Palácio da Alvorada ao negar que tente interferir na Polícia Federal, conforme acusação feita pelo ex-ministro da Justiça Sergio Moro ao pedir demissão. De acordo com o G1, um inquérito foi aberto no Supremo Tribunal Federal (STF) para apurar as acusações feitas por Moro. Bolsonaro nega interferência na PF.
Souza foi nomeado e empossado diretor-geral da PF nesta segunda-feira (4). Ele assumiu o cargo após o ministro Alexandre de Moraes, do STF, suspender a nomeação de Alexandre Ramagem, amigo dos filhos do presidente e atual chefe da Agência Brasileira de Inteligência (Abin). / Por: reprodução // Agência Brasil

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();