Notícias

Hospitais Couto Maia e Ernesto Simões Filho passam a atender exclusivamente pacientes de coronavírus a partir desta segunda


Os hospitais do estado Instituto Couto Maia (Icom) e Ernesto Simões Filho (HGESF), ambos em Salvador, passam, a partir desta segunda-feira (23), a atuar exclusivamente para pacientes de Covid-19.
Durante a manhã de hoje, o Couto Maia já atendeu 20 pacientes suspeitos de coronavírus, nenhum ainda provado, de acordo com a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab). 
O Ernesto Simões Filho será destinado ao atendimento exclusivo de pacientes que necessitem de internação com diagnóstico positivo para a doença. A unidade possui 164 leitos - 54 de UTI.
O próximo a integrar a rede será o Hospital Espanhol, que está recebendo requalificações e procedimentos como dedetização, higienização e reparos necessários para a função. Uma decisão judicial autorizou a reabertura temporária da unidade para o atendimento aos pacientes do coronavírus. 
A unidade terá a disposição 160 leitos, sendo 80 de UTI. O Governo do Estado ainda não definiu o formato de contratação dos profissionais que trabalharão no local.
De acordo com a diretora-geral do Instituto Couto Maia, a médica-infectologista Ceuci Nunes, o hospital tem 120 leitos disponíveis - 42 já equipados para servirem de UTI.
“Mas este número será ampliado de acordo com as adequações das redes elétricas, de gases, e outras coisas que já estão sendo realizadas”, ela afirma. A entrada na unidade será feita através de regulação.
Segundo a diretora, a maioria dos pacientes que estavam internados no Couto Maia foi transfeira para o Hospital Otávio Mangabeira. /Por: Divulgação/Sesab 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();