Mãe 'fantasia' filho de escravo para festa de Halloween em escola de Natal e é criticada nas redes sociais

Uma mãe fantasiou o próprio filho de 9 anos como escravo para a festa de Halloween de uma escola de classe média alta em Natal, na segunda-feira (29/10).
Ela mesma publicou fotos do garoto nas redes sociais, durante a tarde, e as imagens causaram grande repercussão na internet. A maior parte dos comentários é de críticas à fantasia, que foi considerada racista. A publicação foi apagada do perfil dela.
Além de pintar o garoto, a mulher maquiou ele com "marcas" de chicotadas e o cobriu com roupas brancas e correntes. "Quando seu filho absorve o personagem! Vamos abrasileirar esse negócio! #Escravo", escreveu ela no Instagram.
A publicação  foi bombardeada com comentários que reprovaram a atitude da mãe do garoto. Até mesmo artistas como o cantor Marcelo D2 comentou compartilhou as imagens e comentou: "Quando vc pensa q já viu de tudo na vida (sic)".
O Colégio CEI Romualdo, onde aconteceu a feta de Halloween, emitiu uma nota e afirmou que a instituição não compactua com expressões de racismo ou preconceito. 
(Rádio Andaiá FM)