Vice-diretor de colégio chama polícia para prender alunos que estavam usando boné

Foto: Berimbau Notícias/ Editada pelo
Sistema de notícias
De acordo com relatos de estudantes do Colégio Estadual de Conceição do Jacuípe, no centro do município, o vice-diretor da unidade teria acionado o Pelotão Especial Tático Ostensivo (PETO) para prender dois alunos. O caso aconteceu na noite da última quarta-feira (26/9).
Cosme Geraldo, conhecido no colégio como “Alemão”, “chegou na sala com tom de voz elevado, ordenando aos alunos que tirassem os bonés. Após o pedido ser recusado pelos estudantes, o vice-diretor teria ligado para a polícia”. “Estávamos em sala de aula cumprindo com nossas atividades escolares”, protestam os alunos.
“Os policiais chegaram acabando com tudo. Com bastante ignorância com os alunos, que foram encurralados por causa de um boné. Polícia é para estar na rua atrás de bandido, não de estudante”, conta com indignação uma estudante que prefere não ser identificada.
Em clima tenso, os policiais empurram um dos alunos que foi tentar impedir a detenção dos colegas. “A gente da turma do Eixo 7A se reuniu para impedir a prisão dos dois alunos, e as outras turmas se juntaram e filmaram a ação dos policiais”.Durante a entrevista, os estudantes contaram que, ao se sentir pressionado, o vice-diretor teria mentido, dizendo que foi ameaçado pelos dois alunos. A afirmação teria sido desmentida pela turma. Alemão se reuniu com os alunos que seriam detidos e dispensou os policiais, que tentou expulsar os alunos. Após os alunos demonstrarem indignação, o vice-diretor teria devolvido os bonés e liberado a turma.

Publicidade:

O gestor foi procurado na manhã desta quinta-feira (27/9), mas não se encontrava no colégio. O diretor presente, Josoel Pereira da Silva, conhecido como “Ginho”, preferiu não se pronunciar sobre o caso. (Aratu online)