Mulher de 58 anos morre após ser atacada em casa na Bahia; marido é suspeito


Uma mulher de 58 anos morreu na manhã desta quarta-feira (21), na região norte da Bahia, após ser atacada com golpes de machado. O delegado Heloísio Larcerda informou que investiga o caso como crime passional e o principal suspeito de ter atingido a vítima é o marido dela, de 60 anos. O casal estava junto há 32 anos.

De acordo com a polícia, Avani Rocha Barbosa foi ferida na noite de terça-feira (20), dentro da própria casa, na zona rural da cidade de Central, a cerca de 30 km de Irecê. No imóvel, foi encontrado o machado usado para ferir a vítima e um bilhete sujo de sangue. A polícia ainda não identificou o que tem no bilhete, que foi encaminhado para perícia técnica em Irecê.

"Tudo indica que ela [Avani] estava dormindo quando foi atacada porque ela estava em cima da cama quando o Samu chegou. Vizinhos disseram que ouviram gritos, mas ainda vamos chamá-los para depoimentos para termos mais detalhes", explicou Lacerda. Após o ataque, Avani foi socorrida pelo Samu e encaminhada para um hospital de Central. Depois, transferida para uma unidade de saúde de Irecê, onde não resistiu aos ferimentos.

O marido dela, que também mora na residência onde ocorreu o crime, não foi encontrado e é procurado pela polícia. O corpo de Avani foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT), também em Irecê. Não há detalhes sobre o sepultamento, segundo informações do G1.