Notícias

6/recent/ticker-posts

Guedes confirma desindexação do salário mínimo à inflação

 

Marcelo Camargo/Agência Brasil 

O Governo Federal realmente estuda desvincular o reajuste do salário mínimo e de aposentadorias do índice de inflação do ano anterior. A informação estava circulando na internet, mas foi confirmada nesta quinta-feira (20), pelo ministro da Economia, Paulo Guedes.

Segundo o economista, a mudança pode ser incluída no texto da Proposta de Emenda Constitucional (PEC,) que está sendo construída para garantir recursos ao pagamento do Auxílio Brasil, mas não teria o intuito de impedir o ganho real dos trabalhadores e pensionistas. "É claro que vai ter o aumento do salário mínimo e aposentadorias pelo menos igual à inflação, mas pode ser até que seja mais. Quando se fala em desindexar, as pessoas geralmente pensam que vai ser menos que a inflação, mas pode ser o contrário", disse Guedes.

Vale lembrar que o salário mínimo é reajustado pela inflação por determinação constitucional, por isso seria necessária uma PEC para mudança de regra. “A PEC que está combinada já de sair, combinada politicamente, com compromissos, é a taxação sobre lucros e dividendos para pagar o Auxílio Brasil. Isso tem que acontecer rápido justamente para garantir o ano que vem”, disse o ministro, que concluiu afirmando que desindexando o reajuste do salário mínimo à inflação será possível gerenciar melhor o orçamento.

Cadastrado por Letícia Rastelly

BNews

Postar um comentário

0 Comentários