Notícias

6/recent/ticker-posts

Policiais defendem golpe de Estado? Descubra o que os agentes acham sobre ato

 

Reprodução/Tânia Rêgo/Agência Brasil 

Manifestações antidemocráticas, que defendem um golpe de Estado e que ameaçam as instituições democráticas brasileiras, assombram o país. Na semana passada, um grupo de empresários ligado ao presidente Jair Bolsonaro (PL) virou alvo da Polícia Federal por apoiar um golpe em caso de vitória do candidato Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Mas como outra classe, comumente ligada ao presidente, pensa em relação às ideias golpistas?

De acordo com uma pesquisa do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, 80,9% dos agentes de forças de segurança (policiais militares, civis, federais, rodoviários federais, bombeiros, peritos e guardas civis municipais) concordam com a afirmação de que “Quem for declarado vencedor das eleições pela Justiça Eleitoral deverá ser empossado em 1° de janeiro”. O resultado do levantamento foi divulgado pela revista Veja.

Ainda de acordo com o levantamento, 84,5% dos policiais consideram que a democracia é preferível a qualquer outro regime de governo, e 74,9% disseram acreditar que “o respeito aos direitos humanos é essencial para a democracia”. O estudo, intitulado “Policiais, Democracia e Direitos”, apresentou 45 questões temáticas aos profissionais consultados e outras 11 sobre seu perfil profissional e social.

Redação BNews

Postar um comentário

0 Comentários