Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Falta de adesão fora da esquerda pode virar empecilho para ato no 15 de novembro


 Os organizadores do ato "Fora Bolsonaro" previsto para o dia 15 de novembro, avaliam que o cenário político pode inviabilizar a manifestação. Um dos maiores empecilhos seria a falta de adesão fora da esquerda ao protesto, apesar da tentativa de unificar a pauta em torno de diferentes frentes.

Os grupos se mobilizam pelo ato foram os mesmos que organizaram a manifestação do último dia 2 de outubro, quando Ciro Gomes foi vaiado e hostilizado por um pequeno grupo de petistas.

Nenhum dos políticos mais à direita aderiram ao ato contra o governo Bolsonaro. Raimundo Bonfim, da CMP (Central de Movimentos Populares), diz que ter aberto margem para a participação de todos os espectros políticos não refletiu em uma "maior participação" popular.

“A ampliação não resultou em maior participação nos atos, tampouco acrescentou adesões de novos segmentos em prol do impeachment”, resumiu.

Até o 2 de outubro, organizadores tinham a expectativa que o ato do 15 de novembro pudesse ser ainda maior, com a presença de figuras como os ex-presidentes Lula e FHC. As informações são da coluna Painel, da Folha de S. Paulo.
 

Classificação Indicativa: Livre


 Por: Dinaldo Silva/BNews 

Nenhum comentário