Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Vacinados que contraem Covid contaminam muito menos do que os não imunizados, diz estudo


 Uma pesquisa publicada no “New England Journal of Medicine” mostrou que quando pessoas vacinadas contraem a Covid, elas eliminam o vírus mais rapidamente e transmitem muito menos do que os não imunizados. Com isso, ficou constatado que as pessoas que não tomaram a vacina contra a Covid são responsáveis pela maior parte das transmissões.

A pesquisa analisou o contágio da Covid entre pessoas que moram na mesma casa, no Reino Unido, e concluiu que quem não estava vacinado houve o dobro de contaminados.

“Isso é um estudo de vida real, é um dado de vida real que mostra que a vacina pode diminuir a transmissão em cerca de 50%. Isso é muito importante”, disse a epidemiologista Denise Garrett, vice-presidente do Sabin Vaccine Institute, ao Jornal Nacional.

Matérias relacionadas:

Rui Costa diz que público pode retornar aos estádios se casos caírem por mais uma semana

Pfizer pede à Anvisa que inclua 3ª dose para maiores de 12 anos

Rui Costa diz que aguarda avanço de segunda dose para cobrar carteira de vacinação na Bahia

De acordo com a epidemiologista Denise Garrett, vice-presidente de um instituto americano que trabalha para aumentar o acesso a vacinas no mundo, mais de 90% dos casos de Covid estão entre os não vacinados.

“As chances do vacinado se infectar são menores, as chances do vacinado desenvolver uma doença grave são menores e as chances dos vacinados transmitirem também são menores”, explica Denise Garrett.

Até as 16h desta terça-feira (28), a Bahia tinha 9.655.848 pessoas vacinadas com pelo menos a primeira dose da vacina, segundo dados da Secretaria da Saúde (Sesab). Já 5.101.492 completaram o esquema vacinal com a segunda dose. A dose de reforço, por sua vez, foi aplicada em 44.832 baianos.

Em Salvador, o total de vacinados com a primeira dose é de 2.070.522. A segunda dose foi aplicada em 1.210.731 pessoas, enquanto a terceira foi aplicada em 31.239. Os dados são referentes até as 8h25 desta quarta (29) e divulgados pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS).

Classificação Indicativa: Livre


 Por: Dinaldo Silva/BNews  Por: Redação BNews

Nenhum comentário