Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Inventário: Justiça determina prisão de mais um investigado por fraude a processos do TJ-BA


 O juiz Vicente Reis Santana Filho, da Vara dos Feitos Relativos a Delitos Praticados por Organização Criminosa de Salvador, determinou a prisão de Cristiano Manoel Almeida Gonzalez, um dos réus da Operação Inventário, acusado de participar de organização criminosa que atuava em fraudes a processos de partilha de bens do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA).

Em decisão proferida nesta quinta-feira (22) e acessada com exclusividade pelo BNews, o magistrado afirmou que o réu não fora encontrado para receber a citação, nem por oficial nem por edital, tendo se esgotado o prazo.

“O denunciado Cristiano Manoel de Almeida Gonzalez deixou de ser citado, o que motivou sua citação por Edital, tendo o cartório certificado que o prazo da citação editalícia transcorreu sem que o referido acusado tenha se manifestado nos autos, situação que será analisada ainda neste decisão”, escreveu o magistrado, alegando, ainda, que todos os outros seis réus já apresentaram respostas à acusação.

Desta forma, por entender que há riscos de o réu Cristiano Gonzalez não colaborar com a Justiça, foi determinada a prisão dele, com a imediata expedição do mandado, cuja vigência é até 20 de abril de 2041. 

“O comportamento do referido réu Cristiano Manoel informa que o mesmo não pretende ser alcançado pela normativa penal em caso de eventual condenação, pelo que é de rigor a decretação de sua prisão preventiva para a segurança da aplicação da lei penal”, diz trecho da decisão.

Em razão da prisão, a ação penal de autoria do Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) ficará suspensa em relação a Cristiano, devendo ser retomada a instrução quanto aos demais investigados. Para tanto, o juiz agendou audiência para 15 de junho de 2021, conforme noticiado em primeira mão pelo BNews, nesta terça-feira (20). 

Nenhum comentário