Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Empresários que querem vacinar funcionários vão acionar Bolsonaro para liberar compra de vacina


 Os empresários Carlos Wizard e Luciano Hang, que articulam a compra de vacinas contra a Covid-19 pela iniciativa privada, vão até o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para convencê-lo a ajudá-los na agenda. 

A Câmara dos Deputados já aprovou um projeto de lei que estabelece que enquanto durar a vacinação dos grupos prioritários, as doses compradas pelas empresas deverão ser integralmente doadas ao Sistema Único de Saúde. 

De acordo com a coluna da Bela Megale, do Globo, a ideia de Wizard e Hang, que representam um grupo de cerca de cem empresários, é cobrir os custos de vacinação de trabalhadores, ao mesmo tempo em que o governo foca na imunização de grupos prioritários.

“Os empresários querem oferecer gratuitamente as vacinas a seus colaboradores. Isso significa uma grande economia para o governo federal, que não precisará pagar para imunizar esses trabalhadores” disse Wizard à coluna..

Em reunião na semana passada com o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Élcio Franco, o empresário ouviu que a compra de vacinas pela iniciativa privada só deve ser liberada no segundo semestre, quando mais de 70 milhões de pessoas do grupo prioritário devem ser vacinadas, de acordo com a expectativa da pasta. / Por: Tânia Rêgo/Agência Brasil 

Nenhum comentário