Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Covid-19:Google afirma ter removido 99 milhões de anúncios irregulares em 2020

 


O Google informou aos seus usuários, por meio de um relatório, que em 2020, cerca de 99 milhões de anúncios irregulares relacionados à  Covid-19 foram removidos de sua plataforma. 

Por conta da pandemia, a empresa explica que alguns anúncios estavam inflacionados. Preços de produtos como álcool em gel e máscaras ou até prometem curas milagrosas do vírus que, até então, só a vacina é eficaz.

Relacionado a receita, o Google gerou US $46,2 bilhões somente no 4° trimestre do ano passado, representando assim, 82% do seu faturamento. As quatro maiores categorias são: abuso da rede de anúncios, saúde e medicamentos, marca registrada e serviços financeiros.

Além dos anúncios irregulares, o Google também divulgou dados de sites que foram proibidos de veicular publicidade em suas plataformas. Ao todo, foram cerca de 981 milhões de conteúdos sexuais e 168 milhões de conteúdos perigosos e depreciativos. Já sites de armas e peças de armas, cerca de 114 milhões foram removidos, um total de 1,6 bilhão de domínios retirados do ar.

 Redação BNews

Nenhum comentário