Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Coordenador do Samu desabafa sobre aumento no número de casos de Covid-19: "culpa da população que banalizou"

 


O médico Ivan Paiva, coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), falou nesta sexta-feira (12), em entrevista ao apresentador José Eduardo, sobre a alta demanda no sistema de saúde de Salvador em decorrência dos altos índices de contaminação do novo Coronavírus. 

"Quanto mais a gente tira paciente, mais brota paciente grave. Quanto mais a gente abre leitos, mais coloca ambulências, mais aumenta o número de casos, e isso é muito preocupante", desabafou durante a entrevista.

Paiva também disse esperar que as medidas restritivas comecem a fazer efeito na próxima semana: "Quando se toma essas medidas, ja reflete uma semana após. A gente acredita que com essas medidas mais restritivas na próxima semana a gente pare, pelo menos, de crescer".

Sobre as críticas dos comerciantes, que querem a volta das atividades econômicas em Salvador, o coordenador do Samu ponderou: "Eu entendo a dificuldade. Acho que medidas de apoio econômico, como a prefeitura vem fazendo com cestas basicas e auxílio financeiro, vem a minimizar, mas a população tem que ajudar".

Ivan Paiva foi além e declarou: "Tudo isso que está acontecendo agora foi culpa da população que banalizou, que achou que era uma gripezinha".

Sobre uma possível queda no número de casos de coronavírus, Ivan Paiva declarou: "Se a gente conseguir fazer a aquisição das vacinas que o governo do Estado está se propondo a comprar, com a do governo federal e da prefeitura, acredito que a gente consiga chegar em julho com casos ainda, mas sem risco de colapso no sistema de saúde. Acredito que semana que vem já tenha uma curva descrescente na busca de leitos".

Redação BNews

Nenhum comentário