Notícias

Suspeito de atear fogo em homem em situação de rua diz que crime foi motivado por vingança


 O suspeito, que foi preso sob acusação de ter ateado fogo em um homem em situação de rua, na cidade de Dias D’Ávila, localizada na Região Metropolitana de Salvador (RMS), informou a polícia que a motivação do crime foi vingança. Segundo o G1, o acusado disse que foi vítima de agressões cometidas por um amigo de Erivelton Guimarães, de 58 anos, que teve o corpo completamente queimado. 

O homem, que não teve o nome divulgado, ainda alegou que Erivelton teria assistido as agressões e incentivado a briga. As informações foram colhidas durante o depoimento do suspeito.  

O crime 

O homem em situação de rua morreu com o corpo completamente queimado, na madrugada da última quarta-feira (3), em Dias D’Ávila. A vítima estava dormindo no momento em que o suspeito se aproximou e jogou um líquido inflamável, ateando fogo logo em seguida.  

O suspeito foi preso horas depois, ainda com o material que usou para atear fogo na vítima.


Por: Google Street View  Por: Redação BNews

Nenhum comentário