Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Ex-titular da Secult, Tinoco defende realização de eventos de teste em Salvador: "Já passou da hora"


 x-titular da Secult, o vereador Cláudio Tinoco (DEM) defendeu a realização de eventos-teste em Salvador, com o respeito aos protocolos sanitários necessários diante da pandemia de Covid-19.

Em conversa com a imprensa nesta terça-feira (2), na retomada dos trabalhos na Câmara Municipal, o democrata disse que "passou da hora" da capital baiana, conhecida mundialmente pela cultura e destaque na música, de fazer algum aceno ao setor, bastante prejudicado com a crise sanitária.

"Eu acho que já passou da hora [...] algumas capitais, posso citar Natal e São Paulo, já realizaram shows com protocolos acordados com o setor público e área de entretenimento. E, Salvador, como berço da música, já passou da hora de realizar eventos-teste, a gente defende essa posição. Existem protocolos que garantem que esses eventos podem acontecer com segurança para as pessoas", destacou o edil.

Antigo secretário na gestão de ACM Neto, Tinoco vai ter neste mandato a oportunidade de exercer o cargo legislativo. Na liderança do partido na Casa, ele ressalta que é nas comissões onde o grupo pode defender as suas "bandeiras". O DEM deve permanecer na Comissão de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Relações Internacionais, e pode voltar à Comissão de Orçamento.

RETORNO DAS AULAS

Diante do impasse também sobre o risco da retomada das aulas, Tinoco defende que a CMS possa ter um papel importante na discussão do assunto, ainda que reconheça as limitações e o papel de decisão do Governo do Estado. "O papel da Câmara é de reverberar a ansiedade da sociedade, que está mobilizada pois já não suporta mais crianças e jovens fora das salas de aulas e escolas", opina.

Segundo o edil, é necessário colocar em pauta a discussão sobre o tema, para que possa de alguma forma interferir na visão do Executivo.  /Por: Raul Aguilar/BNews  Por: Raul Aguilar e Luiz Felipe Fernandez

Nenhum comentário