Notícias

ACM Neto "ganhará" o MEC após DEM não fechar apoio a Baleia Rossi, diz site; Ele nega e fala de independência


 Após o Democratas decidir não integrar o bloco do deputado federal Baleia Rossi (MDB-SP) e liberar sua bancada na eleição que ocorre nesta segunda-feira, (1), O Antagonista afirma que o presidente Nacional do Democratas, ACM Neto, ganhará em troco por não retaliar o movimento de dissidência na legenda, cargos no Ministério da Educação. Na semana passada, Neto afirmou que não iria "fuzilar" os deputados do DEM que decidiram não apoiar Rossi, que é o candidato oficial da legenda.

O nome na mesa hoje para o MEC é o do deputado federal João Roma, do Republicanos, ex-chefe de gabinete de ACM Neto. Segundo o site, com Roma no comando o ex-prefeito de Salvador terá carta branca para lotear toda a pasta, com exceção do FNDE, que fica com o presidente nacional do Partido Progressita (PP), o senador Ciro Nogueira (PP).

O presidente nacional do Democratas afirmou, em nota, que não realizará indicações para o governo Bolsonaro e lembrou que os dois ministros que fazem parte da legenda, Onyx Lorenzoni (Cidadania) e Tereza Cristina (Agricultura) foram escolhidos por Bolsonaro pela amizade e não por escolha da legenda.

“Jamais indiquei qualquer nome para compor o Governo Federal, e essa postura não vai mudar. É de conhecimento geral que mesmo os ministros do Democratas que integram o governo foram escolhas do Presidente da República. O nosso partido vai continuar atuando com independência na política nacional”.

Leia mais em:

Eleição Câmara: Maia fala em aceitar impeachment de Bolsonaro após debandada do DEM

Em meio à troca de farpas, executiva nacional do DEM se reúne para tentar definir candidato à Câmara

"Nós temos uma maioria esmagadora na Bahia", afirma Lira sobre eleição para presidência da Câmara    / Por: Redação BNews

Nenhum comentário