Rádio Nova Rota - PARCEIRA - Aperte o player para escutar.

Notícias

Cotado pelo PSD para disputar presidência do Senado, Otto Alencar prega cautela: "muito embrionário ainda"

 


O presidente do PSD na Bahia, o senador Otto Alencar desponta como um dos cotados dentro da legenda para concorrer à sucessão do atual presidente do Senado Davi Alcolumbre (DEM). 

A informação foi revelada pelo colunista de O Globo, Lauro Jardim, na última quarta (9).

Questionado pelo BNews na tarde desta quinta-feira (10) se irá se candidatar ao posto, o parlamentar reconheceu que seu nome é cotado dentro do partido mas salientou que tudo é "muito embrionário ainda".

"Meu partido tem 12 senadores. Meu nome é citado, tanto o meu quanto o de Anastasia e Nelsinho Trad. Mas é algo muito embrionário ainda. Eu sou líder, e se sou líder é porque tenho a confiança de onze", ponderou. 

Alencar acrescenta que embora seu nome desponte para uma provável candidatura, existem outras bancadas na casa e que é necessário conversar com outros setores do senado. "São 81 senadores!", destacou.

Alencar avalia que ainda é necessário muita conversa para que os partidos cheguem a um entendimento para formar uma mesa diretora que contemple todas as legendas. "Nossa proposta é alcançar unidade", garantiu.

O Senador diz que, assim como qualquer membro da Casa, gostaria de ocupar a presidência. "Não é uma obsessão, mas pode ser uma possibilidade", concluiu.

Segunda maior bancada do Senado, o PSD quer ampliar sua bancada e ultrapassar o MDB - ou igualar-se em tamanho. De acordo com Jardim, a legenda tenta convencer a senadora Rose de Freitas, do Podemos do Espírito Santo, a integrar a bancada. 

Atualmente, o MDB conta com 13 parlamentares na Casa.

 Por: Marcos Maia

Nenhum comentário