Notícias

Ex-amante de sambista diz que casamento dele era aberto


 Depois de ter tido seus relacionamentos extraconjugais expostos, o sambista, Tiee, volta a ter o nome citado por uma de suas ex-amantes, Ingrid Freitas, que estava há pouco mais de um ano com o cantor. Segundo a corretora de assistência médica, ela teria tentado contato com a esposa de Tiee, Barbara Murta, e descobriu que o casamento era aberto. 

“Quando fizemos um pouco mais de um ano, tentei entrar em contato com a Bárbara, via Instagram, mas já estava bloqueada, ou seja, ela já sabia de mim. E o que fez? Nada. Até porque na minha cabeça não tinha porque fazer algo. Mas não fiquei satisfeita. Tentei entrar em contato por outro perfil, porque estava sentindo que tanto eu como ela estávamos sendo enganadas. Porém, ela nunca deu ouvidos, foi aí que me toquei que era um relacionamento aberto, visto que ele já não tinha somente a mim e a ela, mas sim várias mulheres”, disse Ingrid à colunista Fábia Oliveira.  

Com o término do relacionamento em dezembro, Ingrid e Tiee continuaram se encontrando eventualmente há cerca de um mês. Contudo, de acordo com a mulher, ainda sofre consequências da relação com o sambista. “Desde que saiu a primeira matéria envolvendo meu nome, sou xingada, mal interpretada e julgada, porém, só quem viveu com este homem pode falar", diz Ingrid.

Para a colunista, Ingrid ainda relembrou: ele não deixava eu postar mais minha vida no Instagram, me restringiu, me privou de muitas coisas, inclusive de trabalhar, de sair com amigas, de usar certas roupas, de ir a certos lugares e muitas outras coisas que não deve falar aqui, mas ele sabe. 

Matérias relacionadas: 

Mulheres afirmam ter tido relacionamento com cantor ao mesmo tempo e uma delas diz que tem filho do sambista
Sambista é processado por abandono afetivo e não pagamento de pensão ao filho de relacionamento extraconjugal   /Por: Reprodução/Instagram @tieeoficial @aingridfreitas

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();