Notícias

Parecer sobre perda de mandato de Flordelis será entregue nesta quinta-feira


 O parecer do corregedor da Câmara, o deputado Paulo Bengtson (PTB-PA), que pode resultar na perda de mandato da deputada Flordelis (sem partido), será entregue no fim da manhã desta quinta-feira (1°), ao presidente Rodrigo Maia (DEM).

O conteúdo do parecer ainda é um mistério. A deputada é acusada de mandar matar o seu marido, o pastor Anderson Carmo, que teria sido executado por um dos seus filhos adotivos que viviam em sua casa com Flordelis.

As informações são do Congresso em Foco, do UOL.

O crime aconteceu em junho do ano passado, em Niterói, na porta da residência. À época, a versão contada pela deputada e pelos filhos era de que o marido teria sido morto após uma tentativa de assalto, narrativa que foi desmentida posteriormente com o andar das investigações.

O pedido de representação contra Flordelis foi apresentado pelo deputado Léo Motta (PSL-MG), que alegou que a parlamentar cometeu atos "incompatíveis com o decoro".

Após a entrega feita pela Corregedoria, a Mesa Diretora da Câmara deve decidir se manda o parecer para a análise do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar. Caso o colegiado aprove, ainda é preciso passar pela votação no Senado.

Suspensa pelo seu partido, o PSD, e afastada da bancada evangélica, Flordelis hoje se vê sem apoio. Em agosto, ela chegou a enviar mensagens aos colegas deputados - em tom de desespero - em que pedia para que não perdesse o foro privilegiado, o que pode levá-la à prisão.  


Por: Reprodução/Redes Sociais 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();