Notícias

"Tem tido um comportamento muito correto", diz Dória sobre Eduardo Pazuello


Ainda que se coloque como um dos alvos das ofensivas de Jair Bolsonaro com relação às políticas adotadas para enfrentar a Covid-19, o governador João Dória admitiu que está surpreso com o trabalho do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, o terceiro a assumir a pasta em meio à crise sanitária.

O tucano lembra que também não esperava a saída de Luiz Henrique Mandetta, que na sua visão foi "bombardeado" por Bolsonaro, que nunca fez esforços para endossar uma campanha de distanciamento social no país. Em seguida, a passagem relâmpago de Nelson Teich, e depois, finalmente, assume Pazuello, que só veio a ser efetivado três meses depois.

Em entrevista ao programa de José Eduardo, na Rádio Metrópole, Dória explicou que o general Pazuello tem acertado nas decisões sido correto com os governadores, atento aos interesse principal neste momento que é a de proteger a vida das pessoas. 

"Para nossa grata surpresa, Pazuello tem sido correto com relação aos governadores [...] tem tido até aqui um comportamento muito correto, protegendo o interesse real dos governadores, que é a defesa da vida e da saúde, colocando o ministério ao lado de políticas corretas para a proteção das pessoas e combate ao coronavírus", afirmou.

Diferente de Bolsonaro, tanto o ministro da Saúde quanto outros do Palácio do Planalto preservaram uma relação "mais republicana" com o governador.  /Por: Roberto Viana/BNews 
 



 


Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();