Notícias

Julgamento sobre afastamento de Dallagnol da Lava Jato deve acontecer em agosto


O processo no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) que pede o afastamento do procurador Deltan Dallagnol da força-tarefa da Lava Jato, em Curitiba, deve ser julgado pelo plenário na próxima reunião, que acontece em 18 de agosto.
O relator do caso, Luiz Fernando Bandeira, deve levar o voto para o plenário. Em despacho já à frente do processo, ele deu 10 dias (ou seja, até dia 2 de agosto) para se manifestarem, caso queiram, o procurador-geral, Augusto Aras, o corregedor, Rinaldo Reis Lima, e o próprio réu.
O documento ainda permite que o conselheiro Otávio Luiz Rodrigues Jr também se manifeste no mesmo prazo. Ele é relator da denúncia da Ordem dos Advogados do Brasil contra Dallagnol, que apura suposta cooperação com autoridades de polícia judiciária estrangeira, a exemplo do FBI, sem utilização dos canais legais competentes. /Por: Agência Brasil

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();