Notícias

Filha de José Serra usava conta bancária no Panamá para lavagem de dinheiro


Vêronica Allende Serra, filha do senador José Serra (PSDB), denunciado pela Operação Lava Jato, tinha uma conta bancária no Panamá em seu nome, para lavar dinheiro do pai, de acordo com o relatório do Ministério Público Federal (MPF).
Segundo informações do O Antagonista, várias transferências foram feitas entre 2006 e 2007 - época em que José Serra era governador de São Paulo - em uma offshore chamada Dortmund International Inc., que teria sido criada no Panamá em 2003 e administrada por Verônica.
Os investigadores apontam que o objetivo era esconder e lavar o dinheiro proveniete de propinas recebidas de uma empreiteira baiana, em troca de benefícios na construção da obra da Rodoanel Sul.
“Assim, ao JOSÉ AMARO RAMOS realizar, a partir de contas suas, transferências vultosas em favor da DORTMUND, entre 2006 e 2007, o que se praticava eram atos de ocultação e dissimulação da natureza espúria dos valores que recebera da ODEBRECHT no período, assim, s eus reais destinatários: JOSÉ SERRA e sua filha VERÔNICA SERRA.”, diz o relatório do MPF.
Pai e filha foram denunciados por corrupção e lavagem de dinheiro. De acordo com a CNN, ambos estão em uma casa no sul da Bahia. /Por: Reprodução/Redes Sociais 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();