Notícias

Senadores avaliam que apoio de Alcolumbre ao adiamento das eleições é afago no STF para se reeleger


O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), avisou aos colegas de parlamento que deve submeter o adiamento das eleições municipais a votação na Casa na próxima terça-feira (23). De acordo com informações apuradas pela coluna Painel, do jornal Folha de São Paulo, deste domingo (21), a comunicado fez com que Alcolumbre virasse alvo de críticas. 
Líderes do dito “centrão”, contrários à iniciativa, veem no movimento uma tentativa do senador de cativar o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso.
Segundo relatos, o senador avalia recorrer ao Supremo para conseguir sua reeleição e avalia ser possível conquistar sete votos favoráveis na corte. Com a política da boa vizinhança, o presidente do Senado também mira os ministros Alexandre de Moraes e Edson Fachin, que também fazem parte do TSE.
Também segundo a publicação, Alcolumbre intensificou a conversa individual com parlamentares nos últimos dias, em busca de apoio à recondução. Ainda assim, a tramitação de uma emenda constitucional permitindo sua recondução ao cargo é considerada difícil. / Por: Marcos Oliveira/Agência Senado 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();