Notícias

Repórter da Globo é agredido fisicamente durante reportagem em Pernambuco


O repórter Danilo Cesar, da Globo Recife, foi agredido fisicamente enquanto fazia uma reportagem em Cabo de Santo Agostinho, na região metropolitana do Recife. O ataque, que aconteceu nesta quinta-feira (4), se soma a outros casos recentes de agressões a jornalistas no Brasil.
De acordo com Danilo, ele foi empurrado por um homem ainda não identificado. "Fui caindo em direção ao câmera, que me segurou. E o agressor foi embora", disse. "Atrás dele, um grupo xingava a emissora e gravava a cena", continuou.
O repórter, que está na profissão há cinco anos, contou que ficou muito abalado. "Assim como eu, outros colegas da imprensa se tornaram vítimas desse ódio multiplicado. Institucionalizado. Onde isso parar? É triste ver isso. Mas não vou desistir", escreveu em uma rede social.
Em abril, o repórter Renato Peters, também da Globo, sofreu uma agressão em São Paulo enquanto fazia uma reportagem ao vivo. Uma mulher arrancou o microfone da mão dele e gritou palavras contra a emissora.
Já em maio, o repórter cinematográfico Robson Panzera, da TV Integração, afiliada da Rede Globo em Minas Gerais, foi agredido por um comerciante enquanto trabalhava, em Barbacena. Por meio de nota, a Globo disse que condena este tipo de prática. / Por: Reprodução/Instagram 

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();