Notícias

Witzel readmite secretário alvo de investigação sobre compra de respiradores


O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, apesar de ter demitido Edmar Santos da secretaria de Saúde do estado, o manteve com o status de secretário. A informação é do colunista Lauro Jardim. Edição extra do Diário Oficial do Estado, que traz a exoneração, também trouxe a nova nova nomeação: será secretário extraordinário de acompanhamento das ações governamentais integradas da Covid-19.
Edmar foi afastado do cargo, segundo o governo, "por falhas na gestão de infraestrutura dos hospitais de campanha para atender as vítimas da Covid-19". Ele foi tirado do posto em meio à denúncias de fraudes na compra de respiradores. A Secretaria de Saúde também foi alvo de uma operação policial que apura desvios na compra de equipamentos de combate ao coronavírus. 

Por: Reprodução/TV

Nenhum comentário

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();