Notícias

Após críticas, Bolsonaro decide revogar artigo de MP que suspendia contratos de trabalho


O presidente Jair Bolsonaro (Sem Partido) afirmou, nesta segunda-feira (23), que revogou o trecho da medida provisória que previa, como combate aos efeitos da pandemia do coronavírus na economia, a suspensão dos contratos de trabalho por 4 meses.
A medida foi altamente criticada por políticos e entidades de classe. "Determinei a revogacao do art.18 da MP 927 que permitia a suspensão do contrato de trabalho por até 4 meses sem salário", declarou o presidente, nas redes sociais, no início da tarde.

- Determinei a revogacao do art.18 da MP 927 que permitia a suspensão do contrato de trabalho por até 4 meses sem salário.
36,9 mil pessoas estão falando sobre isso


A medida foi publicada pelo governo no Diário Oficial da União e visava, segundo o governo, proteger empregos diante da ameaça da crise decorrente da propagação do coronavírus no país. Após a repercussão negativa da MP, o Congresso Nacional iniciou discussões a respeito de uma possível revogação.  /Por: BNews/Vagner Souza

Nenhum comentário