Camaçari: moradores fazem manifestação contra ação policial que feriu adolescente

Foto: Reprodução / G1
Moradores de Camaçari, na região metropolitana de Salvador, fecharam na manhã desta segunda-feira (3) a Rua Direta de Jauá em manifestação contra uma ação policial que terminou com um adolescente de 16 anos baleado. Segundo informações da Polícia Militar, a vítima foi socorrida para o Hospital Menandro de Faria, em Lauro de Freitas.
 Ainda conforme informações da PM, os populares atearam fogo em pneus por volta das 11h45. O corpo de bombeiros foi acionado, apagou o fogo e a pista foi liberada. O protesto terminou por volta das 12h20.
 Moradores da região relataram que o motivo do protesto seria uma troca de tiros entre policiais militares e suspeitos de tráfico na região, que acabou deixando o adolescente ferido. Segundo o G1, os moradores também contaram que o jovem baleado não tinha relação com o confronto. Não há detalhes sobre o estado de saúde dele.
 Em nota, a Polícia informou que uma equipe da 59ª CIPM realizavam rondas na localidade do Alto da Bela Vista, em Jauá, quando foi recepcionada a tiros por homens. Os policiais revidaram e os suspeitos fugiram. Após o confronto, os policiais encontraram a vítima ferida no local e prestaram socorro. (BN)