Comissão manda demitir funcionários envolvidos no atendimento a paciente que morreu após ter atendimento rejeitado

(Foto: TV Globo)

A Secretaria de Estado de Saúde informou que a Comissão de Intervenção no Hospital Estadual Getúlio Vargas determinou a demissão de três funcionários envolvidos no atendimento à paciente Irene de Jesus Bento, que morreu na unidade após ter sido rejeitada no atendimento e levada para uma UPA, de onde voltou após piorar.
A secretaria confirmou que médico, enfermeira e técnico de enfermagem serão demitidos. A comissão de intervenção foi criada para reavaliar todos os protocolos assistenciais e de classificação de risco da unidade, que está abastecida e funcionando. (G1)