Ministério da Saúde confirma duas mortes por sarampo no país


O Brasil registrou duas mortes de sarampo até 30 de abril, ambas no estado de Roraima. De acordo com o Ministério da Saúde, a evolução para óbito aconteceu devido a comorbidades, ou seja, alguma debilidade por outra doença. A pasta informou ainda que o país tem 103 casos confirmados, em Roraima (81) e no Amazonas (22). Outras 289 notificações ainda estão em investigação. O Brasil recebeu, em 2016, um certificado de que o sarampo havia sido eliminado. No entanto, o aumento de casos preocupa as autoridades. O Ministério da Saúde afirmou que concentra seus esforços na manutenção do certificado de eliminação, com ações de vigilância epidemiológica, laboratórios e estratégias de imunização. Entre janeiro e abril, foram enviadas 737,9 mil doses da vacina tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola) para os dois estados atingidos pela doença. (BN)