Irmãos são presos acusados de matar homem que desligou internet wifi


Na cidade de Aurelino Leal, no sul baiano, a polícia prendeu dois irmãos que teriam confessado o assassinato de um homem que desligou o aparelho da internet wifi em dezembro de 2017.
De acordo com o site G1, Reinan Oliveira da Silva, de 20 anos, e Venício da Silva dos Santos, 18, confessaram ter matado Miguel Mário Oliveira Santos, 51 anos, e escondido o corpo da vítima na fazenda em que trabalhavam.
A dupla foi presa na última quarta-feira (9) durante uma partida de futebol na mesma fazenda em que o crime aconteceu. 
No entanto, o delegado Lane Andrade afirma que as investigações mostram que os suspeitos mentiram sobre a motivação do homicídio. Agora, a polícia suspeita que os dois irmãos tenham cometido latrocínio, ou seja, roubo seguido de morte. A versão sobre o wifi seria uma estratégia para minimizar a pena. 
No dia do crime, a motocicleta da vítima desapareceu da fazenda. 
Os dois irmãos estão presos na delegacia de Aurelino Leal, mas devem transferidos para o presídio de Valença.  (Bocão News)