Suspeitos de roubo a banco morrem em confronto com a polícia

Jean Carlos e Aldenir Quirino/Foto : Divulgação SSP 
Jean Carlos de Barros Dantas e Aldenir Quirino de Sá morreram em confronto com a polícia mineira na madrugada deste domingo, 17, na cidade de Montes Claros (MG). Eles são apontados pela Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA) como integrantes da quadrilha que tentou assaltar a agência do Banco do Brasil em Bom Jesus da Lapa (a 752 quilômetros de Salvador) em janeiro deste ao. Na época, dois policiais militares foram mortos. 
Ainda na ação desta madrugada, Naelbe Bezerra e o irmão Jeu Julio da Silva foram presos, assim como Yago Nunes de Souza. Com o grupo foram encontrados cinco fuzis, sendo um calibre .50, duas pistolas Cal 9mm e farta munição de calibres.50, 7,62mm, 7,62 curto e 9 mm, além de aproximadamente 20 kg de explosivos.
Segundo a SSP-BA, Jean Carlos era irmão de Carlos Jardiel de Barros Dantas, líder da quadrilha e morto em confronto com a polícia de Goiás, em maio deste ano, em outra operação conjunta com as polícias do Nordeste. 
Suspeitos que foram detidos pelas polícias na ação
 Foto : Divulgação SSP 

A operação deste domingo foi realizada pela SSP-BA e pela força tarefa das polícias de Minas Gerais e de Goiás. A ação contou com o apaio da Polícia Federal (BA e DF), da Secretaria de Administração Penitenciária do Paraná e da Polícia Civil de Sergipe.

Foto : Divulgação SSP 



Fonte: A Tarde