Ex-mulher de Naldo diz que também era agredida: ‘Ele é doente’

Foto: Reprodução Instagram/ Fonte: Bahia.ba
A ex-mulher de Naldo, Branka Silva, que foi casada com ele por 15 anos, afirmou que também já foi agredida pelo cantor. Em entrevista ao “Superpop”, da Rede TV, Branka respondeu que “sim” à pergunta de Luciana Gimenez sobre ter sido agredida pelo ex.
“Sim. É como eu te falei, é uma coisa que cresce, aprisiona”, respondeu Branka, antes de dizer que o filho deles, hoje adolescente, presenciou algumas agressões. “Você acaba fazendo tudo o que ele quer (…) Só o fato de ele não agredir estava bom pra mim”, completou.
Ela explicou também que não procurou a polícia para denunciar o cantor na época porque “pensava no meu filho [ela é mãe do filho mais velho de Naldo, Pablo Jorge, de 19 anos]”.
“Quando o Pablo fez 5 anos de idade, eu fui estudar”, disse ela, contando que os amigos se afastavam dela quando Naldo chegava para buscá-la.
“Ele é doente e torna quem está com ele doente. E você fica com medo, você não quer apanhar. Porque não é normal uma pessoa apanhar, perdoar e amanhã estar com ele. A pessoa que sofre esses abusos também é doente porque ela está presa dentro desse mundo. Eu acredito que ela [Moranguinho] estava pensando na filha, na família”, destacou.
A ex-mulher de Naldo foi chamada ao programa cerca de uma semana depois de a ex-modelo Ellen Cardoso, a Mulher Moranguinho, denunciar o cantor na polícia por agressão.