Homem é preso por atropelar cavalo e dirigir sem carteira


Um cavalo foi sacrificado na tarde desta segunda-feira (13), após ser atropelado por um motorista embriagado e sem habilitação, em Arçatuba, São Paulo. O condutor, um pintor de 48 anos, cujo nome não foi divulgado pela polícia, foi preso em flagrante.
Agentes da polícia informaram ao G1 que o pintor confessou que não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Ao ser submetido ao teste do bafômetro, a embriaguez foi constatada. Como não pagou a fiança de R$ 1 mil, estipulada pelas infrações de dirigir sob efeito de substâncias alcoólicas e sem CNH válida, o motorista foi encaminhado para a cadeia de Penápolis (SP).
O cavalo, que estava solto na Rua dos Fundadores, em Araçatuba, quebrou as duas patas dianteiras e foi sacrificado. O dono do animal não foi identificado. (NM)